Para entender que Matemática não é um bixo de sete cabeças, a Profª Luciana propôs aos alunos da 1ª série B jogos de boliche, para efetuar operações de adição com mais de duas parcelas, e jogos batalhas, dando ao aluno possibilidade de reconhecimento da operação de multiplicação.

Os jogos despertam o interesse em competir e para isso constituem uma situação natural em que são motivados a cooperar para estabelecer regras e segui-lás.

Jogar é um meio de explorar e inventar, reduz a consequência dos erros, permite que o aluno desenvolva sua iniciativa, autoconfiança e autonomia e é uma oportunidade de situações interessantes e desafiadoras onde o aluno se auto-avalia quanto ao seu desempenho e participa ativamente do jogo o tempo todo.

Jogar é sempre divertido, veja algumas fotos desta atividade.

Comentários e pings estão encerradas.

Comentários fechados.